#14 Leonardo Lelo – A paixão algarvia do promissor esquerdino

Leonardo Lelo tem apenas 20 anos mas já dá passos promissores na área do futebol. Titular em 24 partidas ao serviço do SC Olhanense no Campeonato de Portugal, Leonardo sente, desde pequeno, o gosto de entrar em campo.

“Desde que tenho consciência das coisas, que sou um apaixonado pelo futebol”, refere o atleta que sempre sonhou com uma carreira futebolística, pensando “em alternativas para o caso de algo correr mal, mas o futebol é o meu principal foco neste momento”.

Com ajuda e apoio dos seus pais aos 8 anos inicia-se no mundo do futebol, confessando ainda que no início da sua paixão a posição que mais o agradaria praticar era a de guarda-redes, “mas os meus pais não deixaram e inscreveram-me no CD Marítimo Olhanense, um clube da terra”.

É um orgulho enorme representar este clube, o clube do meu coração e que tanto me deu ao longo destes anos

Leonardo contabiliza um total de 59 jogos na equipa que o acolhe desde os 10 anos, o Olhanense, sendo que um dos objetivos do atleta seria a ingressão na equipa principal onde hoje é titular. “É um orgulho enorme representar este clube, o clube do meu coração e que tanto me deu ao longo destes anos”, comenta o jovem.

Durante a sua formação, as posições avançadas permitiram-lhe o acumular de muitos golos, mas assim que passou para a equipa sénior, Leonardo recuou no terreno onde mantém a sua posição de defesa lateral.

Aos 17 anos inicia a época de 2016/17 no Vitória de Setúbal, sendo a sua passagem pelo clube de pouca duração. “Infelizmente as coisas não correram como estava à espera, devido a alguns fatores que não dependiam de mim”, explica Leonardo.

Após a sua curta passagem pelo litoral, o jovem regressa ao Algarve para jogar no Louletano onde faz metade da época, mas algo o chamava mais alto, sendo que Leonardo acaba assim a época no «clube do seu coração», onde se mantém até à data, “o projeto do Olhanense acabou por me atrair e dessa forma voltei para Olhão”, explica ainda o lateral esquerdo.  

É uma tremenda injustiça, neste campeonato é impossível comparar as séries e não há nenhuma equipa mais primeira classificada que as outras

Com olhos postos no futuro e refletindo sobre o passado, nomeadamente à última época, dado agora por terminada, Leonardo Lelo garante que individualmente conseguiu cumprir todos os objetivos que tinha traçado no início. Não nos quis adiantar pormenores acerca da próxima época, mas garante já existir contrato com a equipa onde se encontra a titular.

Devido ao término antecipado da época, foi retirada a possibilidade de uma subida do Olhanense, subindo assim o Arouca e Vizela, decisão que na opinião do jovem jogador “é uma tremenda injustiça, neste campeonato é impossível comparar as séries e não há nenhuma equipa mais primeira classificada que as outras”, reconhecendo no entanto o valor das equipas que ascenderam à segunda liga, “sem tirar o mérito ao Arouca e ao Vizela que são duas grandes equipas”.

Leonardo Lelo fez quatro assistências esta temporada

Uma época mais curta, mas que para o atleta terá sido, “insólita pelo seu desfecho, mas muito positiva em relação a tudo o resto”. Questionado sobre a importância da subida de divisão do Olhanense, Leonardo responde ainda que, “é algo que representaria muito para mim, para o clube e principalmente para o povo olhanense, os nossos adeptos, seria o renascer da alma Olhanense”.

Com todas as dificuldades que a pandemia tem proporcionado ao mundo do futebol, Leonardo mostra-se tranquilo e garante que as questões salariais não o afetam, afirmando ainda que “o clube tranquilizou-nos ao máximo, dando-nos todas as garantias possíveis, de forma a que não nos falte nada”.

O jovem promessa tem despertado o interesse de clubes estrangeiros como o Mónaco e o Fiorentina, demonstrando orgulho no trabalho que tem feito e na possibilidade de conhecer novos clubes e culturas, mas que para já não descarta o clube do seu coração. “Sou uma pessoa muito tentada em conhecer novas culturas, mas estou focado no Olhanense”.

Um Futuro desportivo

Para além da carreira futebolística Leonardo não possui mais nenhum trabalho. O futebol tem sido a sua área, sendo que a nível de formação académica o mesmo acabou o 12º ano e fez uma pausa nos estudos. Sem certezas de quando retomará a sua formação académica, o atleta garante que quando o fizer será na área do desporto.

“Humilde, trabalhador e inteligente”, são as palavras onde o próprio se descreve dentro e fora de campo. Alex Telles é o jogador com que o Leonardo mais se revê na sua forma de jogar, “revejo-me nele pela sua intensidade em campo, pela inteligência e pela qualidade que ele apresenta, principalmente nos cruzamentos”, refere o atleta.

Para além do lateral esquerdo da equipa da 1ª liga, o jovem algarvio vê também algumas semelhanças com Marcelo, jogador do Real Madrid.

Com o campeonato parado desde março, manter a resistência e forma física por vezes torna-se mais difícil, o que para Leonardo Lelo não é problema, pois mantém um plano de treino fornecido pelo seu clube. E de modo a entrar na próxima época na melhor forma possível, o mesmo irá ser acompanhado por um Personal Trainer.

O jovem de 20 anos garante ter muitos objetivos que quer cumprir na sua carreira futebolística, sendo o seu “objetivo/sonho” a sua representação na seleção A de Portugal.

Partilha com os teus amigos:

Outros artigos do autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.